O PROCESSO DE ALFABETIZAÇÃO DE CRIANÇA COM ESPECTRO AUTISTA NO ENSINO REGULAR: UM ESTUDO EXPLORATÓRIO

Palavras-chave: Alfabetização, Letramento, Autismo, Inclusão.

Resumo

A educação escolar tem uma importância inquestionável na vida das pessoas que se torna um direito de todos e dever da família e do Estado, sendo o processo de aprendizagem da escrita e da leitura um passo primordial para seu êxito. Considerando que a educação deve ser inclusiva e que todas as crianças devem ser alfabetizadas. Este artigo discorre sobre o processo de alfabetização de criança com Transtorno de Espectro Autista (TEA), abordando sobre uma pesquisa qualitativa realizada com uma professora de uma instituição de ensino privada do fundamental I com um aluno autista. O objetivo foi compreender como ocorre o processo de alfabetização desses alunos e a forma que eles reagem a práticas de alfabetização no ensino regular. Os resultados mostram que os métodos de inclusão e práticas colaborativas no processo de alfabetização são indispensáveis para potencializar a aprendizagem e o desenvolvimento do aluno autista. Também sinalizam a necessidade de a escola realizar um trabalho colaborativo, capaz de favorecer o desenvolvimento da aprendizagem do aluno e a sensibilidade do professor para organizar seu planejamento com o propósito de enfocar as reais necessidades dos educandos, para que dessa forma, se construa uma escola inclusiva.

Palavras-chave: Alfabetização. Letramento. Autismo. Inclusão.

Publicado
2021-09-01
Como Citar
Praxedes , L. C., & Carvalho, A. D. F. (2021). O PROCESSO DE ALFABETIZAÇÃO DE CRIANÇA COM ESPECTRO AUTISTA NO ENSINO REGULAR: UM ESTUDO EXPLORATÓRIO. REVISTA FACULDADE FAMEN | REFFEN | ISSN 2675-0589, 2(2), 140 - 153. https://doi.org/10.36470/famen.2021.r2a25